segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Senador Canedo depende menos do poder público

Anhanguera, Buritinópolis, Teresina de Goiás, Santo Antônio do Descoberto e Águas Lindas de Goiás são os municípios que têm maior dependência da administração pública. Essas localidades dependem de transferências de recursos financeiros da União e do Estado, pois contam com economias pouco dinâmicas. Por outro lado, Mozarlândia, Chapadão do Céu, Campo Alegre de Goiás, Senador Canedo e Porteirão são as localidades com menor dependência da administração pública.

Os dados são do estudo denominado Produto Interno Bruto - PIB dos Municípios Goianos 2007, elaborado pela Secretaria do Planejamento e Desenvolvimento - Seplan, sob a coordenação do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE.

Conforme a superintendente de Estatística, Pesquisa e Informação da Seplan, Lillian Prado, a situação de menor dependência é encontrada predominantemente nos municípios com atividade econômica expressiva e baixa população. Ela destaca que o estudo norteia os gestores municipais para a implementação de políticas que contribuam para dinamizar a economia local.

Site:O Cidadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário