quarta-feira, 27 de maio de 2009

Braga reafirma declarações e amplia acusação a tucanos

Agência Goiana de Comunicação

Em entrevista coletiva esta tarde o secretário da Fazenda, Jorcelino Braga, reafirmou as declarações anteriores em que rebateu acusações do deputado tucano Carlos Alberto Leréia. Braga respondeu às críticas alegando que exerce um cargo técnico no governo e que sua missão é aumentar as receitas do Estado e manter as despesas sob controle. "Nossa administração trabalha 24 horas por dia para atender às reivindicações da população e não temos tempo para fazer acusações vazias", ressaltou.

O secretário ampliou o leque de acusação à administração anterior em relação à Celg, destacando que o atual Governo vem trabalhando para corrigir erros do passado. "Consultando os balancetes da Celg é possível verificar que a empresa teve um pico de endividamento de 2004 a 2006, período da administração anterior", disse.

Jorcelino Braga também destacou que "muitas ações são dirigidas por políticos do PSDB contra o Governo por não ter suas reivindicações atendidas". O secretário porém fez questão de ponderar que "há deputados desse partido que muito têm ajudado ao Governo e ao Estado, inclusive apoiando o governador".

Presenças
O apoio do Partido Progressista ao secretário da Fazenda foi significativo. Estavam no gabinete, durante a coletiva, o secretário extraordinário e deputado federal pelo PP, Roberto Balestra, juntamente com o secretário de Infraestrutura e presidente regional do partido, Sérgio Caiado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário