quinta-feira, 26 de março de 2009

Juventude: Desemprego e Desvalor.



O município de Senador Canedo pode ser considerado hoje uma cidade de jovens.Vou explicar essa afirmação com um exemplo, em Goiânia famílias dos bairros nobres apesar da melhor condição financeira, em regra sempre tem menos filhos do que as famílias da periferia da cidade. Partindo do raciocínio de que quanto mais periférica é a região maior é sua taxa de natalidade, e menor é a sua expectativa de vida, decorrentes do escasso acesso a recursos que ajudem a perpetuar a vida dos indivíduos, podemosconcluir que a grande massa da juventude está na periferia.


Então concluímos que Senador Canedo já é jovem por natureza pois antes de suaemancipação em 1989 nada mais era do que uma região da periferia de Goiânia. O nosso município herdou essa condição de ter a juventude assentada por si só de forma homogenia na cidade. E hoje é justamente essa juventude, fruto de um crescimento inconseqüente e desordenado, que passaram pelos anos 90 e agora adentram o século XXI sem o devido amparo do Estado em sua formação, se tornando uma faixa da sociedade altamente vulnerável.
Juventude com formação medíocre, gerados no ventre de um sistema de educação pública famigerado, sem qualquer base para que o sujeito possa passar em uma Universidade pública, e sem qualquer base econômica para que os pais possam arcar com os custos de uma Universidade Particular. Um município de 100 mil habitantes que ainda não acordou nem mesmo em promover cursos técnicos. Sem instrução alguma a juventude acaba entrando nos mais diversos leques de atitudes boçais.

Me preocupa muito os altos índices de desemprego, mortes violentas, gravidez na adolescência, uso de Drogas, desvio para o crime e a marginalidade social, contaminação por doenças sexualmente transmissíveis, falta de escolaridade e de qualificação profissional, entre outros problemas que atingem os jovens de Senador Canedo.

Infelizmente em detrimento da crise, as coisas parecem cada vez mais sem perspectiva, essa semana o frigorífico Independência, antigo Goiás Carne anunciou a demissão de mais de 1.000 funcionários, dentre eles vários jovens, ou pais de família
provedores de lares de tantos outros. E como dizia Matin Lutero “O trabalho
dignifica o homem”, um homem sem trabalho é também um homem sem dignidade, que se presta aos papéis mais horrendos para prover a sua subsistência, vejo
diariamente pais de família desesperados, procurando vereadores para que façam
milagres por eles, ainda atinados com o processo eleitoral e as promessas da
campanha do ano passado.A prefeitura também parece ter travado, não contrata
ninguém.


Começar as nos preocupar na forma como os jovens da nossa cidade irão ingressar nesse mercado é uma necessidade de urgência, de utilidade pública. Peço encarecidamente as autoridades de Senador Canedo que se atentem a isso. Verdade deve ser dita, a cidade vem sendo muito bem cuidada, mas é preciso também cuidar das pessoas dessa cidade, principalmente da sua juventude que é o seu futuro.

Ao ler uma alerta como essa logo vem a mente um segmento problemático, imaturo diante dos desafios da vida e incapaz de contribuir com o desenvolvimento social e econômico da sociedade. Eu discordo totalmente dessa afirmação, a juventude de Senador Canedo tem potencial de alavancar esse desenvolvimento, de dar grande
parcela de contribuição o crescimento dessa cidade, vontade existe só falta
oportunidade. Assim como diz o ditado que não existe mulher feia, e sim mulher
mal cuidada, o mesmo digo da Juventude de Senador Canedo, ela também não é problemática, apenas deve ser melhor
tratada.

POR:Pedro Henrique

Nenhum comentário:

Postar um comentário